Logo azul

Golpe da Falsa Central Telefônica. O que eu preciso saber para não cair nesse golpe?

O golpe da falsa central telefônica nada mais é do que a indução a erro, da vítima, por pessoa que se diz representante da instituição financeira da qual o consumidor possui conta bancária.

Para ganhar a confiança da vítima, os criminosos mencionam algumas informações do correntista, como nome completo e data de nascimento, por exemplo, dados que muitas vezes podem ser obtidos em uma busca simples na interne, mas que no momento da conversa poucas pessoas ficariam desconfiadas.

Em verdade, dificilmente o cidadão comum, na hipótese de um desses criminosos ligarem para o telefone celular, informando dados pessoais, e se apresentando como sendo um funcionário do seu banco, deixaria de acreditar da veracidade.

Provavelmente iria ganhar a sua confiança com certa facilidade, pois este é o objetivo, ganhar a sua confiança para depois lhe informar haver algum problema com sua conta, movimentações atípicas ou qualquer coisa do tipo.

A partir daí, o golpista passa convencer a vítima a fornecer seus dados bancários, seja para mera atualização de cadastro bancário ou do aplicativo, seja para fazer determinado procedimento de segurança em razão de supostamente terem clonado a conta.

O motivo não importa, mas em razão dessa suposta invasão da conta e necessidade de realizar procedimentos de segurança, os golpistas acabam por induzir a vítima a liberar algum recurso de segurança do aplicativo do banco, por exemplo.

Essa prática de receber chamada para fazer alguma alteração em dispositivo de banco simplesmente não existe, pois as atualizações importantes são lançadas para o seu Internet Banking automaticamente e o próprio sistema do celular irá disponibilizar essa atualização para você fazer o download.

No mesmo sentido é a solicitação, pelo suposto funcionário do banco, para que você se dirija a um terminal de atendimento para informar sobre eventuais códigos ou habilitação de token.

Por último, o acesso à conta bancária pode também ser feito após a vítima clicar em um link enviado para o celular ou mediante a instalação de aplicativo.

Fato é que, após o convencimento da vítima sobre a necessidade de realizar algum tipo de procedimento, os golpistas conseguem ter acesso à conta bancária e realizar transferências de valores, empréstimos e tudo o que é possível com o objetivo de obter vantagem econômica indevida.

Durante o golpe, os criminosos acabam pedindo para que a vítima encerre a ligação e ligue para a central de atendimento, caso percebam que a pessoa está desconfiada.

No entanto, os golpistas conseguem manter a linha ativa por cerca de 5 minutos, ou seja, sua nova ligação irá diretamente para eles, o que confere mais veracidade ainda ao golpe.

O que é possível pleitear em ação judicial?

Em primeiro lugar é possível conseguir a suspensão de cobranças por empréstimos contratados por terceiro em decisão liminar.

Os tribunais têm recebido bem esse pedido, sendo necessário a demonstração de que efetivamente o autor da ação foi vítima do golpe, principalmente comprovante que a ligação recebida veio de uma central telefônica.

Veja a decisão:

Em segundo lugar, declaração de nulidade de eventuais empréstimos contratados e indenização por danos materiais.

Ou seja, todo e qualquer tipo de empréstimo e operação bancárias realizada pelos fraudadores logo após o golpe da falsa central telefônica devem ser declaradas como nula, além do necessário ressarcimento por danos materiais ocorridos.

Em terceiro e último lugar, indenização por danos morais.

Todo o estresse e o prejuízo psíquico sofrido pela vítima do golpe da falsa central telefônica deve ser indenizado pela instituição financeira, pois essa possui responsabilidade objetiva.

Ou seja, há como solucionar os problemas e prejuízos decorrentes dessa fraude bancária.

Entre em contato com a nossa equipe de especialistas para mais informações. Nós analisaremos detalhadamente todas as circunstâncias envolvidas na sua fraude bancária.

Assim conseguiremos traçar a melhor estratégia para buscar ressarcimento e conter prejuízos.

Gostaria de mais informações sobre a Fraudes Bancárias?

Entre em contato com a nossa equipe!

Está gostando do conteúdo? Compartilhe:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Filtrar por Categoria

Ebooks Gratuitos

Search

Mais Sobre Nós

Leia Também

Golpe da Falsa Portabilidade

O golpe ocorre quando a vítima é contatada por um golpista que se identifica como funcionário de uma instituição financeira (ou correspondente bancário). Por telefone,

Leia Mais